Kalleby

Kalleby Nunes é violinista popular e artista de rua. Leva o som de seu instrumento a espaços públicos da cidade do Rio de Janeiro. É idealizador e integrante do trio Uzurubu.    

Silvério Pontes

Nascido em Laje do Muriaé, interior do Estado do Rio de Janeiro, Silvério Pontes é um trompetista brasileiro que hoje se dedica exclusivamente à música brasileira e ao choro. Filho de trompetista, cresceu ouvindo bandas de músicas do interior e por

Duo Cordes e Batuque (CMN)

O Duo Cordel e Batuque (CMN) é formado por Thiago Menolli e Hilton Lemos. Thiago Menolli é violonista e guitarrista profissional. Possui vasta experiência como músico sideman, tendo trabalhado com diversos artistas do cenário nacional. Licenciado em música, é professor

Mind the Gap

Mind the Gap é um duo carioca de música instrumental, formado por Alexandre Seabra (violão) e Marcelo Cucco (saxofone). Os músicos, que também são artistas de rua, apresentam temas consagrados brasileiros, com arranjos próprios, inspirados no ritmo ousado e dançante

Tersinas

Tersinas é uma experimentação musical, um encontro de singularidade polifônica. Três flautistas (Thaísa Fredo, Thatiana Verthein e Vanessa Onofre) mergulham num Brasil profundo, nas miudezas do que há de mais delicado na música popular.  Por isso tem nome de passarinho

Samuel Hamilton (solista)

Samuel Hamilton de Azevedo é violoncelista da Orquestra Sinfônica Aprendiz, professor de violoncelo no programa Aprendiz e estuda licenciatura em música na Unirio. O jovem músico teve passagens por diversos grupos de câmara e hoje se coloca na busca de

Jade

Jade apresenta "Jacimiragem", uma performance ritualística que traz memórias sonoras de uma ancestralidade travesti através da narrativa que se borda no jogo entre o som do corpo e o corpo do som. 

Niterói Strings

Ricardo Vidal (1° violino), Priscila Vidal (2° violino), Taynara Sales (viola) e Rodrigo Soares (violoncelo) são os jovens integrantes do Niterói Strings. O quarteto iniciou seus ensaios em 2015 com o objetivo de se aperfeiçoarem musicalmente e já se apresentaram

Faísca e Fumaça

Faísca e Fumaça é como são chamados Caio Silva e João Caetano em suas intervenções pelas ruas do Rio de Janeiro. Envolvidos com a arte de rua desde 2016, os artistas constroem e alimentam a cultura nos arredores da praça

Tina

Uma jovem cantora, citada na cena atual como "cantora da nova geração." Dona de uma personalidade versátil que a faz transitar entre as mais diversas vertentes da música. Nascida numa família simples e desde pequena, bebe da fonte de grandes referências

Elias

Nasceu em Niterói, formado e licenciado em Educação Física. Iniciou seu contato com a música aos onze anos através da Igreja e na sua primeira escola, Cidade dos Menores, envolvido com atividades ligadas a dança e ao teatro. Aos 16

Choro Novo

O choro é a primeira música instrumental urbana originalmente brasileira, isto é, resultado das transformações e do modo de pensar e viver socioculturalmente no século XIX e início do século XX. A cidade, durante o século XX, incorporou novas práticas

Locomotiva de Onça

Projeto musical instrumental percussivo, formado por sete músicos que executam fusões de ritmos regionais brasileiros. Tocando o tambor onça, zabumbas, caixas, alfaias, berimbau, cuíca, pandeiros e pandeirões, triângulos, agogôs e caxixis, o grupo apresenta ritmos como o bumba-boi, a capoeira,

2nuNaip

O 2nuNaip é o um projeto instrumental composto pelos músicos Eliseu Jr. (saxofone) e Rafael Nascimento (trompete), músicos conhecidos e requisitados no mundo artístico que, juntos, possuem um currículo extenso que passa por trabalhos na televisão como "The Voice" ,

Café Brasil

O Grupo Café Brasil é um típico regional de choro composto por Paulinho Bandolim (bandolim), Leo Fernandes (violão de 7 cordas), Felipe Reis (violão de 6 cordas), Phelipe Ornellas (cavaquinho) e Diogo Barreto (pandeiro). Buscando valorizar a essência do gênero,

Jequitibá do Samba

Criado em 2010, o Jequitibá do Samba ​é um grupo formado por jovens músicos do Rio de Janeiro, atuantes nas rodas de samba e choro de tradicionais casas da Lapa, de Santa Teresa e do centro (como o Trapiche Gamboa,

Afroribeirinhos

Foi no coração da boemia carioca e das ruas da Lapa que aconteceu o grande encontro dos Afroribeirinhos. Conduzidos pelo sopro da Mãe África, que levado até a Cordilheira dos Andes desceu pelo Caribe amazônico até chegar a Guanabara. O

Duo Trompicano

O Duo Trompicano se formou a partir do amor de um casal que respira música. A formação é trompa e violão/cavaco, o que permite dar originalidade a consagradas músicas do repertório popular.

Mestre Siqueira

Ao completar 80 anos de idade, Mestre Siqueira lança seu segundo CD autoral, onde interpreta estilos diversos passando por Choro, Valsa, Baião e Jongo. Repleto de participações especiais de amigos e admiradores que fazem questão de somar para o registro e

João Bosco

João Bosco de Freitas Mucci, mais conhecido como João Bosco, nasceu em Ponte Nova no dia 13 de julho de 1946. Cantor, compositor e violonista, viveu sua infância em um ambiente musical. O bandolim, o piano, o canto e o

Fernanda Abreu

Fernanda Sampaio de Lacerda Abreu iniciou profissionalmente sua carreira musical como vocalista da banda Blitz (banda de pop-rock de maior sucesso nacional nos anos 80), e, posteriormente, seguiu carreira solo, influenciada pelo samba, sambalanço, disco music, rap, funk, soul e funk

Orquestra da Rua

A Orquestra da Rua surgiu a partir da criatividade de seus membros, cinco jovens com idade entre 18 e 20 anos, que iniciaram os estudos na música através de projetos sociais. O grupo passou a se apresentar na cidade do

Magno da Gaita

Há mais de 20 anos atuando como músico, professor e compositor, Magno da Gaita iniciou a carreira em 1992 como professor de harmônica em conservatórios de música localizados em Niterói e Nova Friburgo. Em 1996, lançou seu primeiro CD instrumental

Marcel Powell

Através de um violão vertiginoso, elegante e refinado, segundo a crítica especializada, Marcel Powell, que é discípulo direto da mais relevante escola violonística da MPB criada e ensinada ao Marcel pelo seu Pai Baden Powell, vem trazer um trabalho no

Rafael Nascimento

Trompetista natural da cidade de São Gonçalo, iniciou sua carreira tocando suas primeiras notas musicais aos 13 anos nas igrejas da cidade, onde também atuou nas bandas de algumas escolas. Agora, com mais de 20 anos de carreira, possui um

Victor Hugo Rosa

Violonista gonçalense, o músico Victor H. Rosa tem em seu trajeto apresentações em recitais, gravações, participações em festivais importantes (como o Festival Villa-Lobos), além de trabalhos autorais. Seu trabalho persiste em criar uma ponte entre o universo violonístico de concerto e a

Quarteto Popmusic

O quarteto Popmusic é um grupo de cordas e vocais contendo na sua formação violino, violão, voz e cello. Seu repertório são releituras de grandes sucessos pops e também obras clássicas com uma roupagem mais atual. O quarteto já se apresentou

Florisbella – Cantação de Histórias

Florisbella conta um conto. Florisbella veio de uma aldeia onde todos são contadores de histórias e suas viagens pelo mundo reuniram as melhores histórias para contar para as crianças. Junto com seu livro, guarda-chuva mágico e sua ajudante Hortência, conta

Nego Preto

Com carreira oficialmente iniciada em 2011, o petropolitano Nego Preto NP é músico, poeta, produtor audiovisual e blogueiro. Atua principalmente no rap, já tendo também tocado instrumentos e produzido instrumentais em projetos de vários gêneros musicais. Produz vídeos para diversos

João Pedro Gomes

Traz consigo as grandes raízes do violão brasileiro, tendo experiência vasta com os temas imortalizados pela grande obra deixada pelos compositores que fundaram a história do instrumento. Estudioso e dedicado, João Pedro Gomes traz com ele a sonoridade, referências e

Gabriel Moreira

Iniciou seus estudos na flauta transversal no ano de 2012 na FIOCRUZ. Em 2016, entrou para a orquestra da Universidade Católica de Petrópolis e para o projeto Ação Social pela Música do Brasil como professor de flauta doce e transversal.

Instituto Levando Música

O Instituto Levando Música começou suas atividades no ano de 2016 com o desafio de democratizar o acesso ao ensino e a apreciação musical, a pessoas que se encontram em condições desfavoráveis. Em atividades de aulas, já gerou mais de

Orquestra de Câmara de Petrópolis

Fundada em 1994, a Ação Social pela Música do Brasil – ASMB é uma organização não governamental, sem fins lucrativos, que, em sua vertente socioeducativa, visa à inclusão social e à formação da cidadania através da música clássica para crianças,

Camerata do Projeto Ação Social pela Música do Brasil

A Camerata do Projeto Ação Social pela Música do Brasil surge em Petrópolis com o objetivo de mostrar que jovens também podem executar boa música. Liderados pelo violista Gabriel Veloso, o conjunto tem por intuito levar cultura e emoção para

Larissa Viana

Aos 22 anos, com uma poderosa voz e carisma nato, Larissa Viana encanta por onde passa. Sua interpretação, carregada de emoção e sensibilidade, encantou milhões de pessoas pelo mundo durante a Jornada Mundial da Juventude, onde teve privilégio de cantar

Joãozinho do Cavaco e Família

João Batista Ramos se apaixonou pelo cavaquinho desde cedo. A falta de recursos para adquirir seu próprio instrumento e a grande dificuldade em acessar estudos específicos do Cavaco neste tempo não o impediram de seguir sua vocação e, por esta

Cocairé

Com o objetivo de transmitir informação cultural por meio de um projeto artístico, o grupo apresenta composições próprias através de seus instrumentos de percussão artesanais e figurinos originais, realizando, em seus toques e cantos, a fusão de ritmos regionais brasileiros. Cocairé

Coro Aprendiz

O Coro Aprendiz é regido pela coordenadora do Programa, a maestrina Fátima Mendonça, e composto por crianças e jovens entre 10 e 23 anos, que compõem as classes de Canto e Iniciação Musical do Aprendiz, além de professores. A performance

Multibrass Quinteto

O Multibrass é um quinteto de metais formado por Matheus Luiz na tuba, Julia Ingrid na trompa, Wallace César no trompete,  Douglas Melo Ferreira também no trompete e Rabi Nathan no trombone.   

Orquestra Guerra-Peixe + Interculturalidades

A Orquestra Guerra-Peixe (OGP) nasceu em 2014 frente à grande demanda de alunos mais jovens pela participação na orquestra principal do Programa Aprendiz (OSA). O excelente trabalho de musicalização e introdução instrumental desenvolvido nas escolas municipais aumentou a quantidade de

Orquestra de Cordas da Grota

Desde a sua criação em 1995, a Orquestra de Cordas da Grota vem se apresentando com regularidade em diversas salas de concerto, teatro, escolas e igrejas em Niterói, Rio de Janeiro, além de outras cidades do Brasil e do mundo,

Negros & Vozes

O grupo Negros & Vozes foi idealizado em Março de 2000 por Ubiraci (Bira), Leandro (Léo), Geraldo (Negrodinho) e Anderson. O nome foi escolhido por trazerem em seu repertório a cappella, inicialmente, músicas da cultura negra. Atualmente o grupo Negros

Aluá

Aluá é o encontro de três compositores: Carol Rocha, Daniel Arm e José Vitor. O grupo aposta na leveza e versatilidade dos arranjos de cordas, percussão e vozes para dar corpo às canções autorais e releituras de artistas que influenciam

Tradicional Ervadoce

O projeto Tradicional Ervadoce começou em 2013 com a proposta de resgatar os ritmos populares do Brasil na região de Niterói e São Gonçalo. Acreditando que as tradições populares são importantes meios de transmissão de conhecimento da nossa cultura, o

Moça Prosa

Moça Prosa é a primeira roda de mulheres que nasceu na Pedra do sal e se estabeleceu na região portuária do RJ e hoje se mantém produzida, idealizada, pensada, construída e tocada por mãos femininas, na rua, gerando trabalho e

Arthur Maia

Baixista responsável por uma nova leitura do instrumento, o usando não apenas como acompanhamento, mas também em belíssimos solos. Iniciou também uma nova reaplicação do baixo fretless (sem trastes), que o torna frequentemente solicitado por artistas brasileiros e estrangeiros. Seu

Clube do Choro de Niterói

O Clube do Choro de Niterói foi fundado em 28 de janeiro de 2013 com a ideia de pesquisar, divulgar e preservar este que é considerado o primeiro gênero musical urbano brasileiro, reunindo os músicos e criando um ambiente para um

Baque Mulher

O Maracatu Baque Mulher nasceu em 2008, fundado por Mestra Joana Cavalcante na favela do Bode, em Recife. Hoje, o grupo está espalhado pelo Brasil inteiro. Une mulheres pela musicalidade do maracatu e  fortalece os encontros e a rede feminina.

William DJ

William Moreira Cordeiro de Souza, mais conhecido como William DJ, começou sua paixão pela música em 2008, com uma influência da sua mãe Marilene Moreira, que sempre desfilou em escolas de samba. Como sempre levava o samba para dentro de

Afro Olodumaré dos Palmares

Em 13 de maio de 1985, tendo como idealizador o Sr. Evandro M. Julho, seu presidente de honra, nascia o bloco Afro Olodumaré dos Palmares, com o objetivo de difundir a cultura afro-brasileira, lutar contra a discriminação racial e o preconceito

Orquestra de Acordeões do Conservatório de Música de Niterói

A Orquestra de Acordeões do Conservatório de Música de Niterói teve início no ano de 2012, com a idéia do professor Waldenir Duarte de reunir alunos e convidados para preservar a prática do instrumento e desenvolver a versatilidade do acordeon

Non Stop

O Non Stop é um grupo que começou sem compromisso em 2015, com alguns músicos do Espaço Cultural da Grota (na comunidade da Grota do Surucucu, Niterói-RJ) que tocavam nas ruas de Icaraí (Niterói-RJ) a fim de levantar investimentos pra

Coro da UFF

A experiência de ter um coral na UFF vem desde da criação da Universidade em 1961, quando um grupo de alunos do Diretório Acadêmico Barros Terra da Faculdade de Medicina iniciaram os ensaios sob a direção da Profa. Clóris Galvão

Guilherme Pimenta Quarteto

O Guilherme Pimenta Quarteto lançou em 2018 o EP "Violino na Roda" apresentando um trabalho relevante para a efervescente cena da música instrumental e elogiado por grandes violinistas do Jazz. O grupo, formado por Guilherme Pimenta (violino), Pablo Arruda (contrabaixo)

Robson Figueiredo

Guitarrista e Violonista, iniciou sua carreira musical no fim dos anos 80. Época onde a cultura do pop e rock predominaram no cenário da música brasileira. Se destacou em várias bandas por sua versatilidade e técnicas para solos e bases,

Sorrindo e Batucando

Projeto iniciado em 2004, na comunidade carente do bairro de Tenente Jardim no município de São Gonçalo. O músico/percussionista Bebeto sorriso que trabalhou com diversos artistas da música popular brasileira, e com passagens em diversas escolas de sambas do Rio

Teresa Cristina

Depois do sucesso de “Teresa canta Cartola”, Teresa Cristina lança seu novo trabalho, com direção musical de Caetano Veloso, homenageando um dos maiores e mais importantes artistas da música popular brasileira, Noel Rosa, com o show "Teresa Cristina canta Noel:

Danilo Minarini

O músico, cantor e compositor carioca Danilo Minarini iniciou na música estudando saxofone até se encontrar com o violão, seu instrumento de trabalho. Compositor de letras que fazem pensar e sentir, Danilo surpreende o público com sua intimidade com a

Cidel Trindade

Músico, pesquisador de ritmos regionais, luthier, compositor e artesão. Natural de São Luís, Maranhão, residindo desde 2005 no RJ. Auto-didata, aprendeu, desde a infância, a tocar, dançar e confeccionar instrumentos de percussão e artesanato em madeira, isopor, arame e outros

Victor Vargas

Natural da cidade de São Gonçalo-RJ; um dos maiores berços artísticos da música no Brasil e no mundo, nasceu em 25 de julho de 1993, Victor Vargas. Ainda criança com apenas 8 anos de idade, iniciou sua jornada musical. Mais

João Raphael Vianna

Natural da cidade de Niterói, RJ. Deu início a sua carreira musical em meados de 1998, atuando sempre como contrabaixista. Com o passar dos anos atuou em diversos trabalhos de diferentes estilos que o levaram a adquirir experiência profissional. Em

Maurício Paraxaxar

Cantor e compositor, Maurício conta com 19 anos de carreira musical, levando para o público de todo o Brasil suas composições. Em 2013, lançou seu primeiro CD autoral, "Não tem briga de artista", com 10 músicas de sua autoria. Em 2016,

Cândido Neto

Sanfoneiro, professor de ciências e cantor, criou o Encontro de Sanfoneiros de Teresópolis e anima muitas festas juninas no município com o seu acordeom. Já realizou intervenção artística com sua sanfona em Salvador, no congresso de 70 anos da Universidade

Miguel Garcia Quarteto

Miguel Garcia é compositor, instrumentista e arranjador. É multi-instrumentista de cordas, além do violão e da guitarra, seus instrumentos principais, atua também tocando e ensinando cavaquinho, viola caipira e violão de 7 cordas. Se graduou bacharel em Cordas Brasileiras Dedilhadas

Groove 3

Trio formado por Rodrigo Veiga na bateria, Fabiano Gomes no baixo e Arthur Liory na guitarra. O trio apresenta grandes standards de Jazz e Bossa Nova que fazem parte da história da música, levando os ouvintes a uma viagem musical

João Fernando Quarteto

Integrante do conceituado grupo de samba Casuarina, João Fernando também investe na música instrumental com seu Quarteto. Residente na cidade de Teresópolis, o JF Quarteto vem se destacando no circuito de bares e casas especializadas da cidade por suas apresentações

As Aventuras Instrumentais no Submarino Amarelo 

O projeto As Aventuras Instrumentais no Submarino Amarelo foi criado para promover o deleite dos amantes e admiradores do som dos Beatles e daqueles que apreciam uma boa execução instrumental. O grupo toca Beatles com arranjos autorais em versões e fusões contemporâneas, empregando

Banda de Professores Fabricando Som

Formado pelos professores do projeto Fabricando Som, o grupo visa unificar diferentes vertentes musicais e promover a fusão da pluralidade de experiências de cada um. O projeto propicia a oportunidade de que os profissionais desenvolvam um trabalho além das salas

Orquestra Jacques Klein (IBLF)

Com os trabalhos de iniciação musical começados em 2013, juntamente com a inauguração do Instituto Beatriz e Lauro Fiúza (IBLF), a orquestra foi começando a formar-se de maneira incipiente. Depois de algum tempo e muito trabalho, estava pronta e é

Duo Márcio Resende e Carlinhos Patriolino

Carlinhos Patriolino é multi-instrumentista autodidata, arranjador e produtor musical. Nascido em Sobral, mudou-se com a família para a capital cearense ainda criança. Filho de dona Teresinha Damasceno e do escritor e compositor seresteiro Carlos Patriolino, Carlinhos é o caçula dos

Choro Grande Banda

Choro Grande Banda foi fundada em março de 2014, inicialmente com o nome Grupo de Choro da UECE. Com existência dedicada à atividade artístico-cultural na comunidade acadêmica da Universidade Estadual do Ceará, atua com repertório e formação diversos, sob a

Orquestra Popular do Nordeste

A Orquestra Popular do Nordeste (OPN) é um grupo do Curso de Música da Universidade Estadual do Ceará (UECE) dirigido pelo músico e compositor Pedro Madeira. O grupo desenvolve uma síntese entre a música erudita e a apreendida pela prática

Nonato Lima e Samuel Rocha

Dos acordes do violão e do dedilhado da sanfona nasce “Um Toque Cearense”. Uma homenagem e manifestação de gratidão aos grandes mestres da música brasileira que influenciaram e permanecem vivos na musicalidade dos jovens artistas Samuel Rocha e Nonato Lima.

Orquestra de Sopros de Pindoretama

A Orquestra de Sopros de Pindoretama atua desde 1999 na formação musical e cidadã de crianças e adolescentes, alunos das escolas públicas de Pindoretama, no interior do Ceará. Mantida pela ONG Associação dos Amigos da Arte (AAMARTE), a Orquestra funciona

Big Band (Chiquita Braga)

A Big Band Chiquita Braga é composta por jovens de 12 a 19 anos de idade do município de Caucaia, região metropolitana de Fortaleza. Produto da disciplina “Prática de música em grupo”, a Big Band apresenta repertório popular brasileiro e

Coral Infantojuvenil Vozes de Iracema (IBLF)

O Coral Infantojuvenil Vozes de Iracema surgiu em 2014, sob os auspícios da professora Clara Luz, tendo como atual assistente a professora Ana Maria. Em seu repertório, trabalha com música popular e temas folclóricos, fazendo breves inserções na música erudita.

Orquestra de Violões Dedilharte6

Com a regência e direção musical de Ricardo Gadelha, a Orquestra de Violões Dedilharte6 integra o projeto de formação de grupos artísticos do Programa Tapera das Artes de Cultura - Um Toque de Classe, sob a direção artística e pedagógica

Thiago Almeida – Escaleta com Charanga

O músico multi-instrumentista e compositor Thiago Almeida passeia por inventividades a partir da Escaleta acompanhada por pifes, flauta transversal, cavaco e percussões diversas. Junto a Mateus Farias e Michael Rodriguez, Escaleta com Charanga imprime o ímpeto do jazz em criações

Quarteto de Cordas Cantabile

O Quarteto Cantabile é formado pelos violinistas Nadilson Gama e Liu Man Ying, pelo violista Inácio Saldanha e pela violoncelista Dora Utermohl de Queiroz. Este tipo de formação instrumental se consolidou a partir do séc. XVIII como uma das formas

Choro Tremembé

Tremembé é um projeto interessado na cultura brasileira e na transformação social pela arte-educação, traçando sua área de atuação pela música, audiovisual, arte urbana, dança e todas as manifestações culturais que surgem do Brasil e das trocas, cada vez mais

Duo Glière

O Duo Glière de Cordas da Universidade Federal do Ceará é formado pela violinista Liu Man Ying e pela violoncelista Dora Utermohl de Queiroz, ambas professoras do curso de Licenciatura em Música do Instituto de Artes da Universidade Federal do

Orquestra de Cordas da UFC

A Orquestra de Cordas da Universidade Federal Ceará é coordenado pelas profas. Liu Man Ying e Dora Utermohl de Queiroz e congrega todos os grupos de extensão em cordas friccionadas do curso de Música da UFC. A orquestra reúne os

Quarteto Flausino Valle

Composto por alunos da Camerata de Cordas da Universidade Federal do Ceará (UFC), o quarteto foi formado por meio do projeto Musicando no Campus, cuja primeira edição ocorreu em 2016, com o objetivo de estimular a formação de grupos de

Fuego de Cumbia

Através do show Ursal do Baião, a banda Fuego de Cumbia mistura de forma dançante algumas raízes da música latino-americana. Revisitando alguns dos principais clássicos do rei do baião Luiz Gonzaga, o grupo garante um novo tempero a suas músicas

Sax in Cena

Fundado em 05 de julho de 2006, o Sax in Cena é o primeiro quarteto de saxofones profissional do Estado do Ceará. Com repertório variado, que vai do popular ao erudito, passando pelo frevo, jazz, xote, entre outros ritmos, o grupo

Folk – Canções de Antigas Novidades

Inicialmente criado, em 2013, como um quarteto feminino com repertório de música folk (com foco na estadunidense), o projeto retoma as atividades em 2016 sob a forma de coro feminino, destacando a voz e a presença da mulher como contadora

Mandacaru Jazz

Com o propósito de reunir numa mesma formação alguns dos maiores artistas da cena musical contemporânea cearense, surge a Mandacaru Jazz ― que traz, desde o próprio nome da banda, uma alusão explícita à fusão de elementos musicais que não conhecem barreira de

Ricardo Abreu Quarteto

Ricardo Abreu é trompetista, natural de Itapebussu, distrito de Maranguape. Iniciou sua trajetória musical aos 12 anos de idade estudando trompete de forma autodidata. Aos 14 anos, passou a integrar a Banda de Música Maestro João Inácio da Fonseca. Participou

Orquestra Sanfônica Essência (Tapera das Artes)

Com a regência e direção musical de Jair Dantas, a Sanfônica Essência integra o projeto de formação de grupos artísticos do Programa Tapera das Artes de Cultura - Um Toque de Classe, sob a direção artística - pedagógica do Maestro

Orquestra e Coro Infantil (Fundação Raimundo Fagner)

Sob direção e regência do maestro Eduardo Saboya, a Orquestra e Coro Infantil da Fundação Raimundo Fagner apresentarão, no terminal da Messejana, o Recital de Músicas Populares com ênfase no Cantor Raimundo Fagner e canções com temática infantil, contando com

Giorgi Gelashivili, Liana Fonteles

O concerto Lírico Due Cuori propõe uma imersão no universo romântico através da música lírica. Tem como temática principal o amor em suas diversas facetas, explorado em estilos composicionais diversos, num repertório eclético. A soprano cearense Liana Fonteles, o tenor

Coral (Fabricando Som)

O Coral Fabricando Som é um dos grupos do Projeto Fabricando Som. Em seu primeiro ano de atuação, o projeto já conta com expressivo repertório e apresentações realizadas. Voltado para a educação vocal e musicalização de crianças entre 8 e

Nara Hope

VÊNUS é o título dado ao trabalho realizado por Nara Hope e cia. Este relaciona musicalidade, invenção, política, memória e tecnologia com processos que podem gerar um som diferenciado transitando nas várias eras e estilos, girando na órbita do universo

Camerata de Violões Cordas Cearense (IBLF)

Fundada em 2015, a Camerata de Cordas cearense é um dos grupos de referência do Instituto Beatriz e Lauro Fiúza (IBLF), formado por 8 jovens entre 13 e 19 anos oriundos de três espaços de formação do Instituto (Passaré, José

Duo Castro e Silvia (Gigi Castro e Letícia Martins)

Oriundas de experiências musicais diversas, Gigi Castro e Sílvia Letícia Martins se encontraram como artistas no grupo Flor Amorosa, o qual integraram por cerca de 5 anos. Sua formação em música tem origem no popular e no erudito, encontrando no

Ceará Brass Quinteto

Criado em 2002, o Ceará Brass Quinteto nasce com o intuito de difundir a música de câmara para instrumentos de sopro no Estado do Ceará. As mudanças impulsionadas pelas experiências no cenário musical e o consequente amadurecimento do grupo resultou

Giltácio Santos Trio

Liderado pelo clarinetista e saxofonista Giltácio Santos, o trio faz um passeio pela música instrumental com um repertório que inclui choro, samba, frevo, baião, salsa, jazz, entre outros estilos. Músicas de grandes nomes como Pixinguinha, Cartola, Severino Araújo e Chico

Camerata de Cordas (PAM)

Grupo criado em 2015 pela professora e idealizadora Maíra Cruz, a camerata de Cordas do Projeto Acordes Mágicos é formada por vários alunos do curso de música do PAM. A camerata possui um repertório voltado à música erudita e vem

Siara Quarteto

O Siara Quarteto é um grupo de cordas cuja atuação começou da necessidade de praticar o estudo de música de câmara. Seus integrantes são Francisco Diego de Lima Cavalcante (1° Violino), Natan Gomes Ferreira (2° Violino), Rélmerson Alves Lima (Viola)

Quarteto de cordas Zerd (Tapera das Artes)

Formado por crianças e adolescentes moradores do município de Aquiraz, o Quarteto Zerd é parte do Programa de Cultura Tapera das Artes - Um Toque de Classe, com direção artística e pedagógica do Maestro Ênio Antunes. O grupo surgiu em

Luthieria Catavento (Tapera das Artes)

A Luthieria Catavento, coordenada pelo músico e luthier Fernando Sardo e supervisionada por José Diniz, é um dos grupos de referência da Tapera das Artes, de Aquiraz. O grupo se destaca pela forma como constrói seus instrumentos, utilizando materiais recicláveis

Flor Amorosa

Essencialmente feminino, o Flor Amorosa mescla vertentes da música instrumental brasileira, trazendo o gênero choro como ponto de partida das criações. O nome do grupo faz referência à canção de mesmo nome de Altamiro Carrilho e Catulo da Paixão Cearense